CGI Club Golf Ibérico
Avª Engº Duarte Pacheco, 19, 6º Dto, 1070-100 Lisboa

tel: +351 916 152 439
fax: +351 210 493 181

socios@clubgolfiberico.com
Club Golf Ibérico
EN
PT
TROFÉU AÇORES by SATA | Regulamento

Regulamento:
2º TROFÉU AÇORES | 4º TROFÉU IBÉRICO DE CUBES 

 [clic para visualizar/dowload] REGULAMENTO (PT)

 [clic para ver/dowload] REGLAMENTO (ES)


FORMATO

É uma prova organizada pelo Clube de Golf Ibérico com a colaboração da “Stream Plan”. Trata-se de um torneio individual (net) disputado por dois participantes apurados nas provas classificativas de cada um dos Clubes Portugueses e Espanhóis convidados. A final em 2015 será jogada no Campo de Golf da Batalha em São Miguel de 10 a 11 de Outubro.

PARTICIPANTES

A participação nos Troféus é feita por convites aos Clubes com Campo de Golf ou que tenham um acordo duradouro com um Campo de Golf e aos Clubes e Campos associados ao Clube de Golf Ibérico.

PROVAS CLASSIFICATIVAS

Formato:

As provas classificativas serão disputadas utilizando um torneio individual que faça parte do Calendário Oficial de cada Clube convidado. As provas classificativas serão jogadas, em cada clube, segundo os regulamentos que forem decididos pelos próprios em qualquer modalidade individual, sendo o vencedor designado pelo melhor resultado NET. O vencedor individual de cada uma dessas provas será apurado para representar o seu Clube na Final a disputar nos Açores. Uma vez que cada Clube participa também no 4º Troféu Ibérico de Clubes as equipas de Clube serão formadas por dois elementos (homens, senhoras ou mistos). Caberá ao vencedor designar entre os sócios efetivos do seu Clube o parceiro/a com que pretende formar equipa para representação do Clube. Ambos participarão no 2º Trofeu Açores e no 4º Troféu Ibérico (Taça André Jordan) No caso do primeiro classificado não poder deslocar-se, será dada primazia ao 2º classificado (e assim sucessivamente), passando a caber-lhe o direito de escolha do parceiro.


Prémios:

Nas provas classificativas está prevista uma degustação de produtos regionais para todos os participantes. 

O vencedor receberá uma taça e um convite para jogar a Final no Batalha Golf Course. 

(Aguardamos a resposta de um patrocinador para conseguirmos oferecer na integra ao apurado a sua participação na final, caso contrário, à semelhança do ano anterior, pagará uma inscrição simbólica para a final nos Açores)

2º TROFÉU AÇORES | PROVA FINAL

Formato:

A prova Final será jogada em 36 buracos, 18 buracos por dia, “Stroke Play Individual”, sendo o Vencedor designado pelo melhor resultado NET.

 

Handicaps:

Os jogadores utilizarão os seus Handicaps oficiais/válidos da Federação Portuguesa de Golfe ou de outra Entidade reconhecida oficialmente, que estiverem em vigor à  data do encontro.

Handicap limite na final: 24 para Homens e 30 para Senhoras.


Empates:

Os desempates para o primeiro lugar serão decididos em “Suden Death” no buraco 18.Se persistir repete-se o buraco 18, e se permanecer, nos buracos 10, 17 e 18. Para os restantes lugares far-se-ão pela melhor ultima Volta de 18 buracos, melhores últimos 9, melhores últimos 6,3 e último buraco. Se persistir o empate passa-se a considerar a primeira volta de 18 buracos e assim sucessivamente.

 

Regras:

As regras a aplicar são as do R.A. Golf Club de St. Andrews aprovadas pela Federação Portuguesa de Golfe e Regras Locais.


Comissão Técnica:

 As decisões da Comissão técnica do Torneio são definitivas.

 

Prémios:

Troféu Açores para o vencedor e Taça (réplica)

Prémio para os 2ºs: 3ºs classificados, e 1a Senhora.

4º TROFÉU IBÉRICO DE CLUBES (Taça André Jordan)

Inscrições:

Para a primeira fase, (provas classificativas) os jogadores estarão automaticamente inscritos ao participarem nas provas dos seus Clubes.

Para a Final, apura-se o vencedor de cada Prova Classificativa que escolhe entre os sócios efetivos dos seus Clubes o jogador com quem desejam formar equipa. Ambos devem inscrever-se através de uma ficha de inscrição.

 

Final:

A prova será jogada este ano, em 36 buracos, 18 buracos por dia, “Stroke Play” conjuntamente com o Troféu Açores, sendo a equipa Vencedora designada pela soma dos resultados NET conseguidos no Troféu Açores dos dois componentes de cada Clube Classificado.

 

Handicaps:

Os jogadores utilizarão os seus Handicaps oficiais/válidos da Federação Portuguesa de Golfe ou de outra Entidade reconhecida oficialmente, que estiverem em vigor à  data do encontro.

Handicap limite na final: 24 para Homens e 30 para Senhoras.

 

Empates:

Os desempates serão decididos pelos melhores resultados obtidos em conjunto na última Volta de (18 buracos), melhores últimos 9 da segunda volta de 18 buracos, melhores 6, 3, ultimo buraco. Se persistir o empate passa-se a considerar a primeira volta de 18 buracos e assim sucessivamente.

 

Regras:

As regras a aplicar são as do R.A. Golf Club de St. Andrews aprovadas pela Federação Portuguesa de Golfe e Regras Locais.

 

Comissão Técnica:

As decisões da Comissão técnica do Torneio são definitivas.

 

Prémios:

Troféu Ibérico (Taça Andre Jordan) para o Clube vencedor e taças para os componentes da equipa.

Prémio para os 2ºs e 3ºs classificados, e 1a Senhora.